Que as animações da Pixar falam ao coração de crianças e adultos (quiçá bichinhos fofos) não resta a menor dúvida. Se você ainda não se emocionou ( eufemismo para chorou baldes em posição fetal) algum dia você vai se emocionar (ou descobrir que não tem coração.

Se não me falha a memória, a primeira animação pixariana (acabei de inventar) que vi foi Vida de Inseto. Naquela época eu não tinha maturidade para compreender a crítica a uma situação de opressor X oprimido. Mesmo assim achei o filme maravilhoso dentro daquilo que eu podia compreender.

Com o passar do tempo, fui amando mais e mais as animações da Pixar, principalmente as canções. Eu tenho uma relação muito íntima com a música de uma forma geral, principalmente nos meus momentos de ansiedade e depressão. A música sempre fala comigo em um nível muito íntimo e particular.

Se tratando da trilha sonora das animações da Pixar, o ponto de virada aconteceu em 2014. Eu estava bem deprimida quando assisti Frozen. Acho que nem preciso dizer qual foi a música que ao meu ver descreveu como eu me sentia diante do mundo, preciso?

Let it go fala de toda a repressão que Elsa sofreu. Ela não podia ser quem ela era porque aprendeu que seus poderes só fariam sofrer aqueles que amava. No momento em que canta essa música, Elsa se livra de todas amarras que a prendiam às convenções e traumas. 

Obviamente, eu não tenho super poderes. Tampouco fui privada do convívio social e familiar. Mas sofri bullying suficiente para que me preocupasse com o que pensam de mim e sentisse uma ânsia em ser aceita. 

Somente com vinte e três anos comecei a me libertar das minhas amarras. Uma das coisas que me fizeram sentir mais livre foi cortar o cabelo, não por querer assumir minha negritude (como queriam meus colegas de faculdade), mas porque o meu cabelo com química não me apetecia. 

Com o tempo (ao som de Let it go, claro), fui me descobrindo e me libertando. Ainda tenho uma auto estima que me deixa envergonhada de tão baixa. Mas sei que logo vou construir uma escadaria e um castelo de gelo e…desculpem me empolguei.

O que quero dizer é que é preciso se libertar, mas no seu próprio tempo. One step at the time. Em pouco tempo você vai estar fazendo seus próprios bonecos de neve com magia 😉

Anúncios