Respirar, ouvir e observar…

Ver e sonhar o sonho do outro.

Acompanhar, levar e ter de voltar.

Talvez sentir, o medo ou se apavorar.

Rir, sorrir e ser feliz.

Esse dia eu sempre quis.

E o seu, foi o mesmo que o meu.

Mas o teu, não é… si não for o meu.

Sozinho, triste e infeliz e

Desde quando isso foi a assim ?

Rasgado, perfurado, estilhaçado,

Desfigurado, emendado, remendado,

Costurado, atrofiado, torto, errado, incerto,

Incorreto e vulnerável.

E como se não bastasse, a ausência

criou voz e suplicou como Caio F. Abreu:

“Um café e um amor… quentes, por favor!” .

Anúncios

Participe da conversa! 5 comentários

  1. Tem dias que a gente está assim mesmo, só afim de um café… ou de um amor. Amei!! E sonhar os sonhos dos outros pode não ser legal, mas às vezes é só o que temos para sonhar né…

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  2. Às vezes basta o amor que um café quente nos transmite para deixar todos os pensamentos negativos desaparecem! Gostei imenso!!

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  3. Ah, que beleza esses versos! E fechas de maneira maravilhosa! “Um café e um amor… quentes, por favor!” – citando o Caio… Claro! Quentes e de preferência! Não há nada pior que café e amor frios! Bravo!

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  4. Oii! Quero começar dizendo que adooooorei o nome do blog haha
    Eu amo ler versos. Versos bem escritos. Porque ando me deparando com umas coisas por aí… rs
    Sonhar os sonhos dos outros pode ser um caminho perigoso se aquilo não for algo que você veja, minimamente, para si mesmo. E ai, adoro as palavras do Caio, pena que não curto café rs
    Parabéns, beijos.

    https://almde50tons.wordpress.com

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  5. Uau! Que versos! Amei!
    Finalizou com chave de ouro. Super concordo; quentes, por favor.

    Parabéns!

    Narah
    http://www.lerantesdedormir.com.br

    Curtido por 1 pessoa

    Responder

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Sobre Thiago D.

Minha maior arte é a forma que eu vejo o mundo e as coisas que acontecem ao meu redor, tenho uma empatia muito grande, entendo como as coisas estão acontecendo ou devem acontecer e isso ajuda na minha percepção para fazer sistemas, estruturar raciocínios lógicos e a construir textos, contos e afins. Busco colocar em palavras os mais diversos sentimentos e sensações, o que escrevo não é autobiográfico, eu chamo de usar a vida como matéria prima. Meu jeito de escrever é esse, e se me perguntarem isso é ficção? Ou não é ficção? – Está no papel(no caso, tá no blog), aconteceu ou não, é ficção.

Últimos Posts Por Thiago D.

CATEGORIA

Poemas