São Paulo, 29 de junho de 2016.

Acho que nunca tive uma conversa tão franca na minha vida, não foi apenas uma conversa para mim, foi uma experiência que estava ali esperando para acontecer e nunca tivemos a coragem ou oportunidade de deixar acontecer, e o papo fluiu e como fluiu…

As horas passaram voando enquanto discorríamos sobre  nossas experiências de vida, nossas metas, propósitos, nossas tristezas, alegrias, nossas dúvidas, receios, medos, nossas angustias e principalmente relembramos momentos que se tornaram e foram inesquecíveis em nossas vidas, vimos no que conseguimos evoluir, no que precisamos evoluir, fora que vi o quanto sou importante e o quanto ela é importante para mim, laços que foram criados e sei que a partir daquilo nunca mais serão destruídos, dizer o quanto ela é importante, o quanto me preocupo e que quero que ela fique bem foi uma sensação incrível.

As vezes em nossas vidas, como eu disse a ela naquela madrugada;

Amamos pessoas que estão do nosso lado, nós preocupamos, mas nunca dizemos isso a elas, nunca demostramos o quanto elas importam, um simples “como foi seu dia?”, “sua semana foi boa ? como foi ela ?”,  “você está bem ?”, “você é importante”.

Simples perguntas assim, deixamos de fazer pois sempre acreditamos que as pessoas ao nosso redor estão bem, ou que elas já sabem que nós a amamos e não precisamos mostrar isso. Pelo contrario todos nós, um dia, iremos embora da vida de alguém.

Então se antecipe e mostre enquanto ainda há tempo.

Anúncios