Não esqueça de foder, mas cuidado para não foder a vida. Não esqueça do amor, sem amor não vale a pena (igual cerveja sem álcool), mas quem disse que sempre tem que valer a pena? As vezes você precisa ser o motorista da rodada (faça analogia com a cerveja sem álcool) dai tem que ser sem amor. Se é sem amor, não significa que seja por ódio. Se é com ódio, você está fazendo isto errado.

Não esqueça de foder, mas cuidado para não foder a vida. A vida é única, e não temos certeza do que vem depois dela. Se soubéssemos, o World Trade Center ainda estaria em pé. Temos uma única chance de acertar, e o nosso tempo médio de acerto seria uns oitenta anos. Claro que não temos os oitenta anos de deadline, teremos no máximo quarenta, com o mercado atual, então não, não foda. Não foda com sua vida, tome todo o cuidado do mundo para que não se foda. Mas, as vezes, é bom jogar tudo para cima, porém quando se joga, sempre caem consequências.

Não esqueça de foder, mas cuidado para não foder a vida. Você não é Charles Bukowski, você não é o Dr. House, você não é o Tyler Durden, sua vida não é um seriado televisivo da HBO, as coisas não estão roteirizadas, demora muito para que tenhamos esta noção. Nossas vidas não são os antigos seriados da MTV onde garotas invadiam os quartos dos rapazes, para traçar um perfil psicológicos das coisas que eles tinham, para no fim, escolher com quem elas foderiam. Isso não vai acontecer, nem em um nem em mil dias, então tire o cavalinho da chuva. Não foda com sua vida.

Mas não esqueça de foder. Foda sua esposa, foda seu marido, foda sua namorada, foda seu namorado, foda sua amiga, foda seu amigo, foda quem você quiser, mas nunca, nunca se esqueça, não foda a porra da sua vida.

Anúncios