A forma de suicídio mais legal é engolir duas bananas de dinamite acesas e detonar a porra toda. Seus familiares vão ficar limpando suas entranhas do seu quarto durante umas duas ou três semanas. Você também pode enfiar as bananas de dinamite no cu, mas pode ser que você peide e transforme o seu suicídio rápido e “prático” em um show de pirotecnia que fará você arder em dor.

Os telejornais iriam se amarrar na história.

Mas o problema é se você sobreviver da dinamite no cu, toda sua vizinhança vai saber que você enfiou uma dinamite no cu e tentou se matar. Nunca mais seus pais te olharam do mesmo jeito. Na festa de natal os seus parentes irão cochichar sobre você ter tentando se matar com uma dinamite no rabo. Você pode tentar se matar de novo, do jeito certo, porém antes de morrer lembrará que enfiou a dinamite no cu e sentirá nojo pois, mesmo se não for a mesma bomba, ainda sentira o gostinho de merda na sua língua e morrerá com este gosto.

Você também poderia usar uma granada, o efeito é o mesmo, mas morrerá com o gosto de pilha na boca, além de poder se sufocar com o pino caso esqueça tirar ou não saiba como funciona uma granada (existem alguns relatos sobre pessoas que tentaram acender a granada e não deu certo, daí desistiram e disseram que Jesus as salvou). Caso o sofrimento esteja desproporcional, você pode usar um pouco de C4, mas fique claro que você explodirá o seu bairro inteiro e todos vão acreditar que você se converteu para alguma religião extremista, e isso pode ser pior do que explodir o seu cu com dinamite.

Tem muita coisa pior que explodir o cu com dinamite. Um grupo extremista religioso pode te pegar a força e enfiar uma dinamite no seu cu, dai a explodir, pior ainda, podem por isso no YouTube. Para algumas pessoas isso poderia estragar a segunda-feira, para a maioria é tão degradante quanto esquecer de tirar o pino da granada antes de engolir.

Tem muita coisa pior.

Outro exemplo: a polícia me perguntou onde eu tinha encontrado aquele tipo de dinamite, e por que caralhos ela estava fedendo a merda.

Anúncios