Quem já recebeu um abraço de verdade, sabe, ô se sabe do que vou falar aqui hoje.

A e não quero dizer daqueles que parecem um comprimento, sabe, aquele que a pessoa antes de fechar os braços a outra já está longe.

Não! Definitivamente não!

Quero falar daqueles de urso, entende? Poxa se não sabe, deixa de besteira e vai lá abraçar de verdade alguém que você ame, é assim mesmo de surpresa!

Mas abraça com força, com vontade!

Daria o mundo por o abraço de algumas pessoas que não estão mais aqui e só eu sei o quanto aqueles abraços fazem falta, mas você deve sentir falta de alguns também.

Abraços… às vezes é só do que precisamos, não queremos falar, não queremos ouvir nada, só queremos nós sentir abraçados, estranho né? mas acho que faz sentido, pois algumas coisas não conseguimos botar para fora e outras são tão duras de ouvir, mas o abraço, ele não vai te machucar.

Sempre penso que só se sabe o tamanho da sua força, quando sua única alternativa é ser forte, mas também sempre penso que todos somos mais frágeis do que demostramos, todos precisamos de alguém, de um lar e, quando digo lar pode ser num abraço que encontramos ele.

Mas que nem o Criolo disse no Dilúvio de solidão:

Quem só viu lata, não sabe o que é ouro.

 

Anúncios