Devo começar dizendo que o filme é muito bom e, fui assistir ele sem saber nada a respeito do roteiro, queria ficar imersivo e com a atuação de Frances McDormand interpretando Mildred, não teve outro jeito.

Ela é uma mulher muito badass, que não segue padrões de feminilidade, é intrigante, ela tem coragem, ela enfrenta, ela dá a cara a tapa, ela provoca a população.
ELA É FODA!
Três-Anúncios-Para-um-Crime_05.jpg

O filme se passa quando a sete meses a policia de sua cidade não da nenhum passo importante na investigação de sua filha que foi encontrada morta e estrupada.

Então para que alguma coisa seja feita, Mildred faz três anúncios com banners enormes em uma rodovia, chamando a atenção da policia local para aquele crime. O roteiro parte de uma ideia simples pra abordar um tema pesado que é o estupro e ainda tira sarro da polícia que não está fazendo nada a respeito.

Mas o filme não se trata somente disso, pois vemos outros temas sendo abordados como depressão, o estado terminal de um pai com câncer e sua família, agressão contra mulher e até mesmo policiais sendo homens que não mereciam o distintivo, sendo verdadeiros boçais descontrolados e agressivos.

Outro destaque no filme é a atuação de Sam Rockwell, interpretando o policial Json Dixon, essa atuação está impecável, é absurdo a maneira que o odiamos no decorrer do filme, mesmo ele sendo policial, suas crises e surtos são tão reais, destaco um plano sequencia que tem a atuação dele de maneira tão absurda que você chega a ficar sem folego de tanta apreensão.

É um lindo filme sobre ódio, vingança, e acima de tudo, perdão.

 

Anúncios