Lembro-me de mim a alguns anos atrás, adolescente babaca, afobado, sem paciência para nada, com muito ódio dentro de si, típico rebelde achando que era dono da verdade.

Lembro-me de meu pai dando conselhos do tipo; o mundo vai te ensinar, ele é o melhor professor. E lembro das brigas que tive, das discussões que tive, das vezes que fui para diretoria da escola, das vezes que mostrei para aqueles cu como que se faz.

E quando lembro de tudo isso, penso em como cheguei aonde estou, como evolui para ser alguém melhor, como deixei todo aquele ódio de lado, em como tive que perder pessoas para notar que o mundo realmente ensina e não tá nem ai se você quer aprender ou não.

Então observei em como ter paciência e aguardar a simplicidade dos fatos é difícil, mas quando se consegue realizar essa tarefa, sua vida muda para sempre.

E ai você depois que fica mais velho, nota como os jovens parecem todos iguaizinhos, tipo aqueles robozinhos fabricados em série.

 

Anúncios