Aos desejos…

Desejo…

Aos amores,
intensidade.
Aos beijos,
saliva.
Para morte,
vida.
Para vida,
poesia!

As estrelas cadentes,
pedidos!
As multidões,
encontros bonitos.
As paixões,
histórias e emoções.
As razões,
grandes afeições!

Para tristeza,
cerveja.
Para os estáticos,
ventos contrários.
Para individualidade,
um porre de
liberdade!

Pra alma,
leveza.
Pro coração,
conexão.
Pro sol: toda lua.
E que a loucura
jamais tenha
cura!

Pra você: florescer!

Anúncios

Autor: Nilla Celestino

1993, primavera, onda do mar, colorir desenhos, sentir o vento, borboletas e tartarugas, corpo, esperança, poesia-dislexia-ironia, morango, minimalista, deusas e deuses, verde, liberdade, orquídea, reflexão, arte, contradição, movimento, conexão, sensível, bruta, sol e lua, incenso de arruda, escrever e a palavra favorita é transcender. [insta: @baunilhapoetica]

Uma consideração sobre “Aos desejos…”

  1. Olá, meu bem!
    Eu gostei muito do seu poema. A temática é singela, mas há um aprofundamento enquanto você vai saindo do início até chegar ao fim. Trabalhando os desejos, a natureza até chegar a você, como cerne.
    Gostei muito. Parabéns. ♥

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s