Textos

Toda vez que você cair pro amor.

Toda vez que você cair por amor.
Não dependa de mim para te segurar.
Não é seguro que você se jogue.
Nem é seguro querer me algemar.
Talvez as cinzas que se espalham
Nesta manhã de domingo.
O prelúdio de mais dias frios como os que se foram.
Dias que não poderá ficar comigo.
Pois minhas frases curtas não servem mais;
Pois minhas poucas disputas não servem mais;
Pois as dores que ocultas não servem mais;
E as decisões que resulta nas respostas que não servem mais;
Haverá dor nos nascimentos e nas partidas.
Velha mania do homem de causar a dor.
Quedamos pelas lutas vencidas.
As malas prontas, sem um destino para ir.
O tom de sépia já se instalara no futuro.
Toda vez que você cair por amor.
Estará sozinha no escuro.
Apagarei a luz, fecharei a porta e você não me terá pela manhã.
Pois minhas frases curtas não servem mais;
Pois minhas poucas disputas não servem mais;
Pois as dores que ocultas não servem mais;
E as decisões que resulta nas respostas que não servem mais;
E serei responsável pelos seus pulsos cortados.
E serei responsável pelos seus sonhos afogados.
E serei responsável pelas suas ilusões eternas.
Estarei lá toda vez que você cair por amor.
Do outro lado da rua.
Observando você, mudar de vida, conquistar uma nova dor.
Sabendo que não conseguirá ficar distante.
Te fazendo olhar para mim, com o canto dos olhos.
Pois, seu lugar é na minha estante.
Junto de tudo aquilo de ruim que causei a ti.
Toda vez que despencar, terá apenas meu riso para confortar-te.
São espinhos cravados na sua pele, voltará quando menos espera.
Na minha cama, na minha vida, até sufocas-te.
Nos próprios caminhos que fizera se perder.
Estará cansada, estará perdida, sem caminho de volta.
Toda vez que cair por amor se lembrará.
Vivendo como se estivesse morta.
Odiando-me e tentando perceber.
Pois minhas frases curtas não servem mais;
Pois minhas poucas disputas não servem mais;
Pois as dores que ocultas não servem mais;
E as decisões que resulta nas respostas que não servem mais;
Até cair novamente por amor.
Toda vez que você cair por amor.
Toda vez que você cair por amor.
Toda vez que você cair por amor;
Toda vez que você cair.
Toda vez que você.
Toda vez que você.
Toda vez que.
Toda vez.
Toda.
Toda.
Tod.
Tod.
To.
T.
I.

Anúncios

Tenho uma lista de filmes para assistir e um tanto quanto de livros para ler. O tempo é tão escasso nestes anos tão estranhos. Escrevo buscando entender este mundo, tal qual um escritor de um manual de instruções. Pretendo um dia ter uma casa com uma janela para um cemitério. Uma boa maneira de pensar na vida e no futuro indubitável de cada um. Agora buscando uma resposta para o futuro em antigas mitologias perdidas. Também querendo ganhar um dinheiro extra, sou um ser humano como todos os outros, e ter uma independência mesmo que pequena, comprar quadrinhos entre tantas outras coisas. Espero que gostem dos meus textos loucos e das minhas estranhas visões do mundo. Blog pessoal: http://omiopepsicopata.blogspot.com.br/ Twitter - @rhuanroussseau

0 comentário em “Toda vez que você cair pro amor.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: