Textos

O Jogo

Isso é tudo um jogo, cara. Tudo isso. Uma enorme simulação que teve início quando o primeiro macaco descobriu como se plugar e decidiu começar a jogar. Claro, ele não teve exatamente uma escolha, ele nasceu desse jeito. Algumas pessoas dizem até que foi algum tipo de vírus que penetrou em suas células e fez com que ele nascesse assim. E assim começou a grande tragédia da humanidade, ou, se você enxergar da mesma forma que eu, foi assim que nós começamos a jogar o jogo.

E esse não é só um joguinho simples. É um RPG de mundo aberto*. Você nasce com alguns atributos que você pode desenvolver durante seu tempo de jogo de acordo com suas habilidades, seus contatos ou sorte. Alguns jogadores gostam de desenvolvê-los até a capacidade máxima. Outros, apenas o suficiente para comprar coisas e desbloquear novas conquistas. Outros ainda, querem apenas ficar de bobeira e se divertir.

Diversão. Por que é por isso que as pessoas jogam jogos, não é? Qual o sentido de jogar algo se não pela diversão? Não existe nenhum sentido além desse, pode acreditar. Assim como qualquer outro jogo, você pode ser um vilão ou um heroi, alguém dedicado ou sem compromisso, uma donzela ou uma revolucionária, e, de qualquer forma, ninguém irá se importar. O único motivo pelo qual os outros jogadores poderão se importar com a forma que você joga, é se você atrapalhar a diversão deles.

As únicas leis reais desse jogo são as leis da física e, é claro, algumas necessidades biológicas que você tem que satisfazer. Vamos dizer que elas são a taxa diárias que você tem que pagar para continuar jogando. Respirar, comer, beber, excretar, dormir: Esses são os únicos requerimentos. Todo o resto, qualquer que seja, é totalmente opcional.

Você pode se juntar à guildas e lutar com outros grupos usando argumentos, habilidades, ou até mesmo a força bruta em troca de pontos ou vantagens para o seu próprio grupo, mas lembre-se: O lado mais forte sempre irá vencer, não importa o quão “certo” você ache que esteja. Já que não existem regras, não existe certo ou errado, bem ou mal, existem apenas jogadores tentando se divertir. É um jogo, lembre-se disso.

Você pode tentar ajudar outros jogadores que sejam mais fracos do que você por causa dos atributos com que eles começaram, ou por causa de má sorte ou de habilidades que eles não desenvolveram ao longo do jogo até agora. Mas isso não é obrigatório, essa não é a missão principal do jogo. A missão principal é se divertir. Se ajudar outros jogadores for divertido para você, faça isso. Mas se não for, não se incomode com isso.

Você quer ajudar? Ajude. Quer lutar? Lute. Quer simplesmente não ligar pra nada e apenas relaxar? Isso é ok também. Apenas se lembre de que esse é um mundo MMO**, e que cada pessoas está jogando seu próprio jogo, com seus próprios personagens, e não cabe a você decidir quais missões eles devem fazer. Não seja um babaca. Esse jogo tem centenas de milhares de anos e você só pode jogá-lo por algumas dezenas antes de sair, então você não sabe nada sobre como outras pessoas devem jogá-lo, já que você não estava lá quando ele foi criado.

A outra coisa que você deve se lembrar é que você só pode jogar esse jogo uma vez, e com o mesmo personagem. Se você recebeu atributos ruins no começo, talvez você ache isso injusto, mas ninguém disse que esse jogo deveria ser justo. Isso foi apenas um mod*** que alguns jogadores tentam criar de tempos em tempos, mas que nunca dura muito, por que sempre acaba interferindo a diversão de outros jogadores, e, como eu disse, isso os deixa putos, gerando conflitos nos quais os mais fortes sempre vencem.

Então tudo o que eu posso te dizer é: Tente aproveitar o jogo pelo tempo que você tiver dentro dele. Se ele ficar muito difícil, entediante ou doloroso, você sempre pode escolher sair dele por si mesmo, já que não existem leis contra isso também. Mas tente pedir ajuda antes. Escolha sua party**** com cuidado também, já que os jogadores à sua volta podem fazer uma enorme diferença na dificuldade e na quantidade de diversão que você terá jogando o jogo.

Eu espero que essa informação tenha sido útil para você, e te desejo boa sorte com ser personagem em suas missões. Adeus.

 

*  RPG: Role Playing Game, jogos onde você cria um personagem que possui habilidades e características específicas e então interpreta suas ações.

** MMO: Massive Multiplayer Online. MMORPG são RPGs onlines onde jogadores do mundo inteiro jogam e interagem entre si

*** Mod: Variações do jogo não oficiais, criadas por jogadores, onde esses alteram cenários ou regras.

**** Party: Grupo de jogadores que se une para cumprir missões.

Anúncios

Conatus: Substantivo. Latim para esforço; impulso, inclinação, tendência; cometimento. É um termo usado em filosofias de psicologia e metafísica para se referir a uma inclinação inata de uma coisa para continuar a existir e se aprimorar. Outros autores a chamaram de Vontade, Desejo, Pulsão, Elan Vital, a essência inconsciente que dirige suas ações para satisfazê-la quer você queira ou não. David Conatus, no entanto, não é um substantivo. É um verbo, uma ação, a ação de exorcizar em palavras minha visão da existência e do mundo, e de talvez conseguir um pouco de paz ao fazer isso. Já quanto a paz de vocês, leitores, isso eu não posso garantir. Prossigam por sua conta e risco.

0 comentário em “O Jogo

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: