Text in English

When I started writing, I set the goal that this year I would do well a text in English, and today I’m here trying. I don’t have many experience to writ in another language, but let’s go!

I want to start thanking, because this year I achieved many personal goals, such as I entered a second college at Fatec, I did a few new friends, I met old friends, I knew my boyfriend, a very important and very special person. And I got matured enough to be different, and because of this I went through some things, but I’m survivor and thankful! After all nothing comes without effort, without sweat.

Also, it has the bad side, those we just have to swallow, the weakness… But I know I have to take each day as it comes, just keep going and never give up. At the end of the tunnel, there will be a light, certainly it is a cliché, but it is real. Nothing is easy, but if you want to do something, you should try to.

I have plans for the future, and I believe that the next year will be better, for me, for you and for everyone. I wish world peace since it has already so many bad things, but we can get around and be better people.

Anúncios

De Repente

O Nós aconteceu tão rápido,

Os dias tem sido mais leves ao seu lado.

Quando me vi já não estava só,

Somos agora um, feito nó.

O seu colo vem sendo meu abrigo,

Você realmente é meu melhor amigo.

Chegou e se fez minha cara metade,

Eu aprendo tanto com seu jeito de verdade.

Você simplesmente me mostrou o quão incrível é o amor,

Pelo fato de demosntrá-lo sem pudor.

Que sorte a minha, a sua e a nossa de nos conhecer,

A vida realmente demonstra seu acolher.

Te trago nesses versos singelos,

Pra te mostrar o quanto és belo.

Que amor que nos une,

Sempre perdure.

Dias

Tem dias em que o amanhecer é uma dádiva.

Mas tem dias que levantar é um carma.

Há dias que simplesmente acordar é um fardo.

Dias de tempestades, escuros, lentos, pesados.

Tem dias que todas as coisas dão errado, que você fica pra baixo.

Olha para o lado e só vê o fardo.

Também tem dias que você tá de “boas”,

Pode cair o mundo e você só fica à toa.

E tem os dias foda pra caralho,

Só te mostram que você é um puto cansado.

Dias, dias e mais dias.

Cada qual com um pesar,

Uma rotina a alcançar.

O que fazer? Amar ou odiar?

Eis a questão a pensar.

Escrever é bom!

Sempre tive muita vontade de expressar o que sentia de alguma forma, alguns amigos me falavam, “poxa, você deveria escrever, pôr pra fora esses sentimentos”. Para falar a verdade não sabia por onde começar, embora houvesse vontade não achava que levava jeito para tal coisa.

Mas a vida é uma caixinha de surpresas né?! Em março desse ano recebi o convite de um amigo e tive a oportunidade de participar desse blog incrível, e assim no decorrer dos meses venho expressando muito do que penso e sinto. Essa ferramenta sem sombra de dúvidas tem sido uma válvula de escape para muitas situações no decorrer da minha vida, aqueles momentos em que só existe o você.

No futuro vindouro, quando tiver mais tempo gostaria de trazer nesse espaço assuntos mais embasados e delicados que estão am alta, mas por enquanto vou tentando agregar algo aos leitores por meio de minhas observações cotidianas, elas que na maioria das vezes me fazem crescer e me tornar um ser humano melhor. Mas tenho a consciência que nem sempre o que trouxer aqui possa servir para todos.

Conforme o tempo passa e o aprendizado toma seu lugar, espero transmitir da melhor forma possível todos os temas abordados, onde possa ser expressado e aprendido algo novo, e que seja compartilhado o conhecimento.

De modo geral agradeço a todos que seguem a página e muito obrigada por cada curtida, comentário, vocês não sabem quanto é gratificante saber que ajudamos outras pessoas sem ao mínimo saber que passavam pelas mesmas situações que as nossas.

She 2

Ela segue a desvencilhar,

Ela segue a caminhar,

Ela tenta apaziguar,

Mas no seu dia a dia só tende a labutar,

O carrego vem se tornando cada vez mais pesado,

Mas ela segue sem parar,

Um dia, se quiçá, há de melhorar,

A esperança jaz, mas num minuto se desfaz,

A dor e agonia tende a ficar,

E ela se permite só a sonhar,

Tem dias que as emoções afloram,

De um jeito que só a ignoram,

Tendem com que ela se martirize,

Mas seu coração nesse embate só fica em crise,

O equilibrio já não há,

E ela segue a se deseperar.

Ora se alma dela se acalmasse,

Esse seria o dia que lhe edificasse.

Divergências

Esse ano o Brasil está realmente em um embate social em relação as eleições. Nunca vi tanto ruído por conta da votação. O desamor está exposto, tanta falta de respeito. Fico me perguntando onde está a empatia, deve ter sumido, sei lá!

Mas o que me deixa fodida de raiva é que embora haja divergências de opinião, as pessoas não saibam respeitar o que lhe é diferente, simplesmente não aceitam, ora, amadureça. Nem todos pensam igual, se não lhe parece ser bom só aceite, temos livre arbítrio né?! Ou deveríamos ter!

Não seja sem noção, saiba lidar com o diferente, só respeite! Isso já é um começo e tanto! Deixa seu egoísmo de lado um pouquinho. Graças a Deus não pensamos igual, se não isso aqui ia ser um saco!

E não só na política, é na vida sabe? Entenda que tem coisas que não vão ser do jeito, o mundo não gira em torno de você! Aprenda com o passado, seja melhor!

Fonte da imagem: https://www.dreamstime.com/stock-photography-dialog-d-people-men-person-talking-image32064532

She

A corriqueira labuta segue com seu pesar.

Ela segue às vezes no automático.

Tem dias que não há sequer vontade de levantar.

E ela segue visando alguns dias de ufania que a vida traz.

Muito embora também receba apenas a penitência que jaz.

Pois por toda a vida conscientizou-se que existe o lado A e B.

E ela segue tentando encontrar o equilíbrio.

E consigo cogita a dificuldade que é seguir nessa caminhada.

Mas pior seria desistir, o que seria de seus sonhos a seguir?

Com o tempo aprendeu a ser só, após muitas decepções.

Mas a vida lhe sorriu e mostrou que ainda há opções.

E ela decidiu viver um dia de cada vez.

Já que entendeu que não podia resolver tudo de uma vez.